Secretaria de Assistência Social

Serviços

Banco de Dados Municipal de Pessoas Desaparecidas


O Banco de Dados Municipal de Pessoas Desaparecidas foi criado seguindo o decreto nº 4.895/2019. O objetivo é descobrir, por meio da divulgação, a localização de crianças, adolescentes adultos e idosos desaparecidos. O cadastro é preenchido por um declarante do desaparecimento, com informações de identificação e características físicas.

 

O Cadastro Municipal de Pessoas Desaparecidas poderá ser feito por qualquer cidadão, através deste site, ou diretamente no Centro Especializado de Assistência Social (Creas). Os registros inseridos no banco de dados levarão em conta o sigilo de informações pessoais. 

O Cadastro não substitui o Boletim de Ocorrência. Antes de preencher o Cadastro Municipal de Pessoas Desaparecidas é necessário realizar o Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia.