Imprensa

31 de março de 2017

ETEC de Carapicuíba recebe aparelhos de televisão fora de uso neste fim de semana

No dia 29 de março chegou ao fim a transmissão de TV pelo sinal analógico, permanecendo em serviço somente o sinal digital. Os aparelhos de televisão que não saem de fábrica preparados para receber o sinal digital precisam que seja instalado um conversor de sinal para continuarem a transmitir a programação. Com a mudança aumentou o número de televisores velhos descartados pelos donos e esses aparelhos não podem ser jogados no lixo comum e também não são entulhos. 

 

Pensando nisso a Seja Digital, entidade responsável pela mudança do sinal, fez uma parceria com a Associação Brasileira de Reciclagem e Inovação (Abrin) e as Etec’s para estabelecer pontos de descarte de televisores. Em Carapicuíba, os aparelhos podem ser entregues na ETEC (Av. Francisco Pignatari, 650 - Vila Gustavo Corrêa) e o atendimento será feito das 9h às 17h no dia 07 (sexta) e das 9h às 16h no dia 08 (sábado). As unidades de Barueri, Osasco e Santana de Parnaíba também vão receber aparelhos antigos nos mesmos dias e horários.

 

No site http://www.sejadigital.com.br você pode acessar os locais de descarte mais próximo da sua casa, além de ter todas as informações sobre a mudança de sinal.  
 
 
A importância do descarte correto
Celulares, impressoras, câmeras fotográficas, televisores e computadores são considerados lixo eletrônico (ou e-lixo) e deve ser entregues em locais específicos para que seja dado o destino correto. O descarte incorreto prejudica o meio ambiente, animais e pessoas uma vez que tais dispositivos são fabricados com elementos altamente poluentes como chumbo, cádmio, mercúrio e berílio.  No mundo, aproximadamente 40 milhões de toneladas de lixo eletrônico são gerados por ano. O Brasil é o país emergente que mais gera e-lixo no mundo (Fonte: Pnuma - Programa da ONU para o meio ambiente).
 
 
 


Ver todas as notícias